A comunidade evangélica perde uma das suas referências morreu na tarde desta quarta-feira 10, em sua residência localizada na Rua Coronel Pimpim no Centro de Várzea Alegre, por volta das 17:00h, a senhora Francisca Querendo de Oliveira, popularmente conhecida por Dona Fransquinhha Crente, a mesma tinha 88 anos.

Dona Fransquinha era acometida há cerca de 13 anos por um Alzheimer, e estava acamada há dois meses. Uma pessoa de expressão e bastante conhecida em Várzea Alegre. Congregava na Primeira Igreja Presbiteriana, natural de Carius, porém, já residia em Várzea Alegre há 70 anos.

Casada com Francisco Ferreira – Fransquim Crente, o casal já somara 65 anos de vida conjugal, tiveram sete filhos, seis mulheres e um homem: Milka Ferreira, Acinete Ferreira, Mirian Ferreira, Eudes Ferreira, Aldinete Ferreira, Audineide Ferreira e Ilca Ferreira, teve também oito netos e cinco bisnetos.

O corpo da mesma está sendo velado na Primeira Igreja Presbiteriana situada na Rua Figueiredo Correia. Haverá culto fúnebre às 15h30, desta quinta-feira, 11 e logo em seguida o sepultamento no Cemitério Jardim da Paz, na BR 230 saída para Lavras da Mangabeira.