chuvas 

Aos poucos as chuvas de forma maneirada vão banhando o solo do município de Várzea Alegre, antes como era conhecida como a terra do arroz, toda e qualquer chuva que molhasse bem o chão fértil já estaria classificado como bom inverno.

Porém, com o decorrer dos anos isso foi mudando o plantio de arroz não mais corresponde ao título dado ao município, o cultivo foi diminuindo e não existe mais as grandes plantações de arroz.

Daí a cidade foi crescendo e veio a necessidade de um reservatório para abastecer a cidade, nascia netão o açude Luiz Otacílio Correia “Olho D’água”. Depois da sua construção outros barramentos foram surgindo acima do manancial. O que dar a entender que dificulta a recarga no açude.

Mas, a preocupação vai diminuindo das tantas barragens acima do olho d’água apenas a barragem da cachoeira Dantas falta uma média de 50cm para sangrar e as agua caírem direto no açude que abastece a sede do município.

Vale ressaltar que com os constantes anos de invernos irregulares o olho d’água está com sua capacidade ainda bem comprometida.