Foto – site miséria

Um jovem foi atingido por disparos de arma de fogo e momento depois teve seu corpo encontrado sem vida em um despenhadeiro na cidade do Crato.

Eram por voltas das 22h da noite de sábado 16, quando moradores da rua Saturnino Candeia no bairro Alto da Penha ouviram estampidos de arma de fogo. No local onde ouve os disparos foi localizada uma garota que informou que dois homens identificados como sendo: “Toinho” e “Matias” haviam efetuado disparos em sua direção e do seu irmão.

A garota informou que após os disparos os homens empreenderam fuga tomando sentido contrário. A garota saiu ilesa, já o seu irmão Lucas Pereira do Nascimento, de 16 anos de idade que residia na rua Irmã Elvira de Carvalho (Mutirão) não foi feliz, e tombou sem vida.

Tentando fugir os disparos ele acabou caindo no penhasco que dá acesso à área de shows do Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcante. O jovem apresentava vários disparos de arma de fogo no tórax.

Ele respondia procedimentos pote furto e porte ilegal de arma de fogo na comarca do Crato. Em diligencias a polícia acabou prendendo o “Matias” em sua residência no bairro Pantanal, este negou sua participação no crime.

Com a morte do garoto a cidade do Crato já soma 22 homicídios neste ano de 2018.