Era madrugada de domingo quando a polícia militar foi acionada, a razão do chamado era para que os policiais averiguassem a agencia dos correios uma vez que algo havia de errado na agencia.

A polícia foi ao local e acionou a gerente da unidade dos correios Maria Alexandra de Souza que reside na vizinha cidade de Lavras da Mangabeira, a gerente se deslocou a Várzea Alegre mais não conseguiu adentrara a agência uma vez que a porta estava com a fechadura emperrada após ser forçada pelos elementos. Como não conseguiram entraram por uma janela de vidro do prédio.

A polícia ainda permanecia no local mais fora dispensada pela gerente uma vez que precisaria de um profissional chaveiro para abrir a porta, e este profissional não foi localizado de imediato.

Certo é que até o fechamento dessa matéria não havia informações se algo teria sido subtraído do interior da agencia, na questão financeira com certeza não houve como os elementos levarem, já que a gerente comunicou a polícia que não havia valores em dinheiro no interior da agencia.