Uma caminha as margens da lagoa de São Raimundo Nonato, um olhar curioso e uma ideia, assim foi o que observou um jovem universitário a propor que a gestão municipal visse com mais atenção a questão da poluição da lagoa que hoje é cartão postal de Várzea Alegre.