Como de rotina toda quarta-feira de cada semana os 13 vereadores que compõem as bancadas de situação e oposição se reúnem na câmara municipal no bairro Riachinho e discutem projetos, demandas dentre outras ações.

Uma normalidade e que torna a reunião mais política são os contrapontos que surgem ao longo da reunião. Isso acontece quando um edil descorda da fala ou indicação de outro vereador, a partir daí, começa a discussão que muitas vezes afloram os nervos e o tom de voz ecoa em defesa de cada verdade propagada pelos edis.

Na reunião na quarta-feira 04, os acaloramentos se ascenderam logo no primeiro expediente e se estendeu até a conclusão da mesma.

O vereador Michael Martins vice-líder da bancada de oposição expos o que pensa a sua bancada e quais os assuntos foram pertinentes a discussão.

O vereador do MDB Alan Salviano vice-líder da bancada de situação disse não se surpreender com as denúncias apresentadas, o mesmo acredita que a aproximação do período eleitoral proporciona essa enxurrada de denuncia que ele coloca como infundadas.

O presidente da casa José Dener lamenta a forma de acirramento das bancadas, estava feliz por que nas últimas reuniões a paz vinha reinando, porém, acredita que o mais importante é manter o respeito, mesmo que diante das discussões. E apontou como muito importante a aprovação do projeto criação da inspeção municipal.