RELIOGIÃO Irmã Dulce deixa a comunidade católica brasileira está em estado de graças, o Papa leu a fórmula da canonização às 10h34 no Vaticano (5h34 de Brasília); a partir de agora, Irmã Dulce será chamada Santa Dulce dos Pobres

‘Sua dedicação aos pobres tinha uma raiz sobrenatural e do Alto recebia forças e recursos’, ressaltou o Vaticano sobre a 1ª mulher nascida no Brasil a ser canonizada pela Igreja Católica

Em seu sermão, Papa Francisco disse que os santos fazem ‘caminho de amor nas periferias do mundo’.

Estiveram na missa o vice-presidente Hamilton Mourão; os presidentes do Senado e da Câmara Davi Alcolumbre e Rodrigo Maia; Rui Costa, governador da Bahia, e ACM Neto, prefeito de Salvador

50 mil fiéis acompanharam a missa na Praça São Pedro, que canonizou Além de Santa Dulce dos Pobres, outros quatro beatos foram canonizados neste domingo (13) no Vaticano, pelo Papa Francisco. São eles o teólogo e cardeal John Henry Newman (Inglaterra), as religiosas Giuseppina Vannini (Itália) e Mariam Thresia Chiramel Mankidiyan (Índia), e a catequista leiga Marguerite Bays (Suíça).