Moradores do bairro Dona Rosinha estão clamando para que as autoridades responsáveis pela iluminação pública solucionem um problema que vem ocorrendo a alguns dias naquela comunidade. 

“Sou Lindomar moro no bairro Rosinha estamos pedindo pra os responsáveis trocarem uma lâmpada que está queimada é um poste aqui na rua José Nonato Rolim na altura da casa de número 83”. 

Sempre foi e será a infraestrutura um gargalo em toda e qualquer gestão, é nela que existem os problemas primários, como: saneamento, iluminação pública, pavimentação, estradas vicinais dentre outros que se enquadram nas relações da pasta da secretaria. 

São demandas indispensáveis para as comunidades, porém, os sistemas de governo trabalham as prioridades, e a partir daí tornar um projeto prioritário, é o X da questão. A até porque todos são necessários para os usuários desde a luz no poste até a pavimentação de uma ladeira. 

O que gera polêmicos debates, é que o cidadão de uma comunidade não entende que a outra comunidade tem mais urgência que a dele, isso quando não ocorre o prático do jogo político, algo que ganhou características de naturalidade atender não os mais necessitados, mas sim, os menos distantes da realidade de gestão. 

Na soma geral infraestrutura é uma pasta complexa onde aparecem mais problemas do que elogios, a demanda do fazer é bem maior que a forma de agradecer.