A cidade de Várzea Alegre amanheceu enlutada e o esporte amador perdeu seu maior incentivador, morreu nas dependências do Hospital Regional de Juazeiro do Norte nesta madrugada José Ataíde da Silva Oroense de 72 anos. 

Zé Ataíde era filho de Maria Matilde de Lima e de João Vieira das Silva. O desportista nato chegou à terra de Papai Raimundo ainda garoto, se apaixonou e não mais retornou para morar na terra natal Orós. 

Logo que chegou a Várzea Alegre foi acolhido pela família Bitú, sua paixão sempre foi o esporte de modo que se tornou uma referência como treinador, da sua época quase todos se não todos os apaixonados por bola passaram pelas orientações de Zé Ataíde. 

Homem simples isolado não gostava de aglomerações a não ser nos locais de treinos. Ultimamente morava na rua Dr. Leandro e costumeiramente era visto passeando nas ruas do centro da cidade nas bocas de noites. 

Infelizmente o desportista foi diagnosticado com a Covid-19 entrou em tratamento mais não resistiu se tornando mais um na relação dos tragados pela fúria da doença.  

Zé deixará uma grande lacuna no cenário esportivo de Várzea Alegre muitos ex-alunos do mesmo carregam saudosas lembranças das suas juventudes. Dos campeonatos de férias na quadra do Presidente Castelo (atual Dr. Pedro). Zé era um vascaino, porém, poucos sabiam pelo fato de ser amante do futebol recebia camisas dos mais variados times de futebol doadas pelos amigos e as vestia com muito orgulho.