Na manhã da quarta-feira 3 de junho a polícia foi acionada para acompanhar uma denúncia de que um homem havia sido encontrado morto no interior de sua residência no bairro Riachinho, mais precisamente na rua Fatico. A polícia esteve presente e acionou o IML de Iguatu para remoção do corpo e averiguações pela perícia forense. 

Na noite de ontem sexta-feira 6 de junho mais uma vez a polícia foi acionada por populares dando conta que havia um corpo estendido no solo no bairro Riachinho. 

Ao chegar no local foi feito o registro, uma pessoa identificada apenas como sendo o Modi ex-funcionário público estava caído e sem sinais vitais. As causas da morte não foram esclarecidas e quanto a remoção do corpo pelo IML a polícia militar entendeu que como não havia sinais de violência, o indicativo seria apenas de morte natural. 

As informações nossa reportagem obteve junto ao comandante da polícia militar de Várzea Alegre o capitão Juarez de Souza.