Nossa reportagem esteve em contato com o coordenador do cadiúnico em Várzea Alegre o Daniel Marcilio para sabermos como está a participação das famílias que através do Programa Bolsa Família passaram a receber o auxílio emergencial.

Das 6.200 famílias apenas 300 deixaram de receber pelo fato da parcela do bolsa família ser acima de 300 reais, isso fez com que o beneficiário optasse pelo Bolsa. Isso implica dizer que 5.900 famílias continuam a receber até dezembro.

O Marcílio chama atenção para um pequeno problema na hora do pagamento, isso ocorre na caixa mais nada que impeça o beneficiário receber seu valor, as vezes precisa ir mais de uma vez mais vai se ajustando.