O final de semana no município de Várzea Alegre distante pouco mais de 400 km da capital Fortaleza, mesmo sendo uma cidade de pouco mais de 40 mil habitantes, os números de acidente são assustadores, praticamente todas as semanas o Demutran juntamente com a polícia militar registram acidentes.

Na semana passada um técnico de enfermagem e sua irmã perderam a vida em um grave acidente de trânsito, a partir de um entulho lançado na malha asfáltica da BR 230 que liga a cidade de Várzea Alegre a Mangabeira.

Neste final de semana não foi diferente, se não houve perdas de vidas mais houve escoriações, lesões e suspeita de TCE. Para a polícia e Demutran o excesso de velocidade e uso de álcool misturado com volante tem sido a maior parte das causas dos acidentes.

Outro agravante segundo postou um agente do Demutran em suas redes sociais é o sistema de socorro que está no momento comprometido. Nos acidentes do final de semana sem a presença do SAMU apenas um motorista da secretaria de saúde com a ajuda de populares para imobilizar o acidentado para translado até ao hospital.